15 de março de 2014

LEVEL 5 - END OF EXPERIMENT - FIM DO EXPERIMENTO



(Watch in youtube for subtitles.) 
(Assista no youtube e veja as legendas.)


Texto em Português mais abaixo  
Scroll down for text in Portuguese

LEVEL CONCLUDED: 5
TYPE OF CURRICULUM: standard
OVERALL SCORE: 97%
TIME SPENT: 22.5 hours
Starting date: Feb 27, 2014
Finishing date: March 9, 2014.
Number of days of study: 10 days
Content review: 8 hours (March 10-12)
Total number of hours to complete all 5 levels (reviews included): 130 hours


CAN WE SPEAK A LANGUAGE FLUENTLY WITH ROSETTA STONE?

Finally, after five months of hard studying I have completed all the five levels of Rosetta Stone! So, the ultimate answer everyone is waiting for and the question highlighted on the heading of this blog, which is the purpose of my challenge: DID I SUCCEED LEARNING TO SPEAK FLUENT ITALIAN WITH ROSETTA STONE? And here is the most awaited answer in this blog… for the contentment of some people and disappointment of others… my answer is: NO! I still don’t speak fluent Italian, at least in my point of view, I’d have to say no.  Of course first we’d have to define what is meant by “fluency”, because this term can mean different things for different people. If fluency means to have a native-like language skill, then absolutely I don’t speak Italian fluently. But if fluency means to have enough language knowledge to at least be able to express my thoughts (even making many mistakes and stopping a lot trying to remember words), then yes, I can say I’m not so far from this concept of fluency. So if people ask me: CAN WE SPEAK A LANGUAGE FLUENTLY WITH ROSETTA STONE? I’d have to answer: NO, BUT WE CAN START TO SPEAK FLUENTLY.


DOES ROSETTA STONE WORK?

When asked this question, many people say a clear and sounding NO, Rosetta Stone doesn’t work. But I have to say YES, it works. In fact I believe it doesn’t work for everybody since there are different kinds of learners. But for me, it worked. But what do I mean by that?

Perhaps the advertisement made around Rosetta Stone can make people believe they will learn the language fluently and go around speaking in any situation with anyone at will just by using the program. However, in the official website, they claim that, after finishing the program, we can reach into, but not necessarily master, level B1, and Rosetta Stone opens the door to level B2 of the CEFR.
http://resources.rosettastone.com/CDN/uk/pdfs/CEFR.pdf

So I think they were honest with this assessment. My test results show that I have reached that level only by using the software. So if people ask me: DOES ROSETTA STONE WORK? I have to say YES, it works. The program does what it claims to do, at least for some learners.


TEST RESULTS




Test Level
Results after completing LEVEL 3
Results after completing LEVEL 4
Results after completing LEVEL 5
A1 (basic user 1)
83%
90%
90%
A2 (basic user 2)
83%
83%
83%
B1 (independent user 1)
57%
63%
73%
B2 (independent user 2)
-
53%
70%



WHEN DID I NOTICE I REALLY COULD SPEAK SOMETHING?

I confess I was a little disappointed and discouraged after finishing level 4. As I said before, I couldn’t feel much improvement comparing to the end of level 3. But soon after I started level 5, let’s say, after some lessons, the words simply started popping up in my head without making that much effort I had to make before, it was magic! For example, I took a trip with my grandmother (not to Italy, unfortunately, but to a neighbor city right here in Brazil), and when we arrived in our destination, I was watching her unpacking her luggage and the sentence in Italian just popped up in my head almost unconsciously: “Mia nonna disfa la valigia.” Then the magic started. I went to the bathroom and I realized I could name many things there: la doccia, il gabinetto, il lavandino, il sapone, uno spazzolino, un dentifricio... (the shower, the toilet, the sink, the soap, a toothbrush, a toothpaste). And then I was able to make sentences to describe what I was doing: Io farò la doccia e mi laverò i denti (I will take a shower and brush my teeth).

Frequently, when I’m about to sleep, I have noticed that many words and sentences I saw in the course, but which are difficult to remember, come to my head randomly and unconsciously: Lui ha la faccia gonfia (He has a swollen face). Prenda questo sentiero e vada dritto (Take this trail and go ahead)… I was very surprised – these weren’t things I decided to remember, they simply came to my mind. Of course there are many words that I know I learned in the course but which I can’t remember or about which I’m not so sure.


MY SPEAKING SKILL

I feel that I speak some Italian and with some effort I can express my thoughts. I guess I make many mistakes and I have to stop and think on the words. And there are many words I would need to express myself more precisely but I haven’t learned on the course.

If I went to Italy today, I guess I wouldn’t have major problems using the language as a tourist. The problems would come in having a more complex conversation with someone about a specific topic. I feel that I still wouldn’t be able to have a philosophical debate at a bar, for instance, nor defend my ideas in a discussion, but I sure could express more general points.

I’m not fluent yet, but I’m starting to be fluent. Now that I really speak Italian in a more consistent way than just a basic learner, I have noticed a problem. My first language is Portuguese, and I have also studied Spanish and Esperanto – this can be a great advantage in learning new languages. But because these languages share so much in common, I unconsciously mix up words from Portuguese, Spanish and Esperanto when I speak Italian (I just realize after I speak or when I listen to my voice recorded). When I think in Italian, sometimes the first thing that comes to my mind is Esperanto.


MY COMPREHENSION

I have a very good comprehension of formal Italian (we also have to consider that my first language is Portuguese, which also has a Latin origin like Italian). I am able to watch and understand the news and documentaries at ease. I tried watching some movies with more slangs and colloquialisms but I gave up in the beginning because I couldn’t understand much. However, I did better watching an episode of an Italian series that has a more formal language (in youtube: Sissi, fiction Rai - parte 1).
I tried reading some literature, but gave up. However, I can read well more scientific articles, like the ones of Wikipedia.


HOW LONG TO FINISH THE COURSE?

That depends on the curriculum you choose. For the standard curriculum, it took me around 20-25 hours to finish each level. It took me around 130 hours to study all levels (reviews included).


HOW CAN WE USE THIS KNOWLEDGE?

The knowledge you can obtain with the software may be enough or not depending on your purpose with the language. It may not be enough if you want to read literature or watch movies, have a complex discussion and defend all your ideas, and use the language professionally. There’s no need to mention you will be far from having the ability to work as a translator or a teacher of the language. It would be possible but difficult to use the language in business meetings or give a speech in a conference, for example.

This knowledge can be enough if you are going to be a tourist in a foreign country, if you are going to have informal contact with foreigners or people that speak the language, or if you just want to read scientific articles in your area. You can also watch the news and documentaries or take part in a conference as a listener.



FINAL CONCLUSION OF MY EXPERIMENT


CAN WE SPEAK A LANGUAGE FLUENTLY WITH ROSETTA STONE? – No, but we can START to speak fluently. You would be able to watch the news, documentaries, read scientific articles, express most of your thoughts in a simple way and in general terms and use the language well as a tourist or in other simple social interactions. It would be difficult to watch movies, read literature, give a speech or engage in a complex discussion.

DOES ROSETTA STONE WORK? – Yes. Maybe not for everybody, but for some learners it may bring good results. Rosetta Stone developers claim we can achieve level B1 or B2 upon finishing the course. I believe they were honest because my test results confirm that.


_______________________________________________________________

                                                              
                                                              

NÍVEL CONCLUÍDO: 5
TIPO DE CURRÍCULO: standard
PONTUAÇÃO GERAL: 97%
TEMPO GASTO: 22.5 horas
Data de início: 27 de fev, 2014
Data de término: 09 de março, 2014
Número de dias de estudo: 10 dias
Revisão do conteúdo: 8 horas (10-12 de março)
Total de horas para completar todos os 5 níveis (revisões incluídas): 130 horas


PODEMOS FALAR UMA LÍNGUA FLUENTEMENTE COM ROSETTA STONE?

Finalmente, depois de cinco meses estudando muito, terminei todos os cinco níveis do Rosetta Stone! Então, a resposta final que todos estão esperando e a pergunta destacada no cabeçalho deste blog, que é o propósito do meu desafio: EU OBTIVE  SUCESSO EM APRENDER A FALAR ITALIANO FLUENTEMENTE COM O ROSETTA STONE? E a resposta mais esperada deste blog... para o contentamento de uns e desapontamento de outros... a resposta é: NÃO! Eu ainda não falo italiano fluente, pelo menos no meu ponto de vista, eu tenho que dizer não. Claro que primeiro devemos definir o que se quer dizer com “fluência”, porque esse termo pode ter significados diferentes para cada pessoa. Se fluência significa ter a habilidade parecida com a de um falante nativo, então absolutamente eu não falo italiano fluente. Mas se fluência significa ter um conhecimento da língua suficiente para pelo menos conseguir expressar meus pensamentos (mesmo cometendo vários erros e parando para me lembrar das palavras), então sim, eu posso dizer que não estou muito longe desse conceito de fluência. Então se alguém me perguntar: PODEMOS FALAR UMA LÍNGUA FLUENTEMENTE COM O ROSETTA STONE? Eu teria de responder: NÃO, MAS PODEMOS COMEÇAR A FALAR FLUENTEMENTE.


O ROSETTA STONE FUNCIONA?

Muitas pessoas dizem um claro NÃO, o Rosetta Stone não funciona. Mas eu tenho que dizer SIM, funciona. Na verdade, acredito que não funciona para todos já que as pessoas aprendem de forma diferente. Mas para mim funcionou. Mas o que quero dizer com isso?

Talvez toda a propaganda em torno do curso leve as pessoas a acreditarem que elas vão aprender a língua fluentemente e sair por aí falando a torto e direito em qualquer situação com qualquer pessoa à vontade depois de usar o programa. No entanto, no site oficial, eles afirmam que ao completar o curso podemos alcançar, mas não necessariamente dominar, o nível B1, e Rosetta Stone abre a porta para o nível B2 do CEFR.
http://resources.rosettastone.com/CDN/uk/pdfs/CEFR.pdf

Acredito que eles tenham sido honestos nessa avaliação. Os resultados dos meus testes mostram que eu alcancei esse nível somente usando o programa. Então se as pessoas me perguntarem: O ROSETTA STONE FUNCIONA? Eu tenho que dizer SIM, funciona. O programa faz o que promete, pelo menos para alguns estudantes.


RESULTADOS DOS TESTES



  
Nível do teste
Resultados depois de completar o NÍVEL 3
Resultados depois de completar o NÍVEL 4
Resultados depois de completar o NÍVEL 5
A1 (usuário básico 1)
83%
90%
90%
A2 (usuário básico 2)
83%
83%
83%
B1 (usuário independente 1)
57%
63%
73%
B2 (usuário independente  2)
-
53%
70%




QUANDO EU PERCEBI QUE EU REALMENTE PODIA FALAR ALGO?

Confesso que me senti um pouco desapontado e desanimado depois que terminei o nível 4. Como disse antes, não consegui sentir um avanço significativo comparando com a conclusão do nível 3. Mas logo após começar o nível 5, digamos, depois de algumas lições, as palavras simplesmente começaram a pipocar na minha cabeça sem eu precisar fazer todo o esforço que eu fazia antes, foi mágico! Por exemplo, eu viajei com minha avó (não para a Itália, infelizmente, mas para uma cidade vizinha), e quando chegamos no nosso destino, eu estava vendo ela tirar as coisas da mala, e uma frase simplesmente passou pela minha cabeça sem eu nem querer pensar nela: “Mia nonna disfa la valigia.” É como se tivesse irrompido do meu inconsciente! Então a mágica começou! Eu fui ao banheiro e percebi que podia dar nome a muitas coisas lá: la doccia, il gabinetto, il lavandino, il sapone, uno spazzolino, un dentifricio... (o chuveiro, o vaso, a pia, o sabonete, uma escova, uma pasta de dente). E então eu conseguia formular frases para descrever o que eu estava fazendo: Io farò la doccia e mi laverò i denti (Vou tomar banho e escovar os dentes).

Frequentemente à noite já na cama, quando estou naquele estado meio-dormindo-meio-acordado, percebi que muitas palavras e frases que eu vi no curso, mas que são difíceis de lembrar, surgem na minha cabeça de forma aleatória e inconsciente: : Lui ha la faccia gonfia (Ele está com o rosto inchado). Prenda questo sentiero e vada dritto (Pegue este caminho e siga reto)… Fiquei muito surpreso – não foram palavras que eu decidi lembrar, elas simplesmente vieram à minha mente. Claro que há muitas palavras que eu sei que vi no curso mas que não consigo me lembrar ou das quais não estou muito certo.


MINHA HABILIDADE DE FALAR

Eu sinto que falo um pouco de Italiano e com algum esforço eu consigo expressar meus pensamentos. Acho que cometo muitos erros e tenho que parar e pensar nas palavras. E há muitas palavras que eu precisaria para conseguir me expressar com mais precisão mas que eu não aprendi no curso.

Se eu fosse para a Itália hoje, acredito que não teria grandes problemas ao usar a língua como um turista. Os problemas surgiriam ao tentar uma conversa mais complexa sobre um tema muito específico. Ainda sinto que não conseguiria ter um debate filosófico num bar, por exemplo, nem defender minhas ideias numa discussão, mas certamente eu consigo expressar pontos mais gerais.

Ainda não estou fluente, mas estou começando a ficar fluente. Agora que realmente falo italiano de forma mais consistente do que um falante de nível básico, eu percebi um problema. Minha primeira língua é o Português, também estudei Espanhol e Esperanto – isso pode ser uma vantagem ao aprender novas línguas. Mas porque essas línguas possuem tanto em comum, eu inconscientemente misturo palavras do Português, Espanhol e Esperanto quando falo Italiano (só percebo isso depois de falar ou quando eu escuto minha fala gravada). Quando penso em Italiano, algumas vezes a primeira coisa que me vem à cabeça é o Esperanto.


MINHA COMPREENSÃO

Tenho uma compreensão muito boa do Italiano formal (também temos que considerar que minha primeira língua é o Português, que também possui uma origem latina como o Italiano). Consigo assistir e entender notícias e documentários com facilidade. Tentei assistir a filmes que possuem gírias e coloquialismos mas desisti no começo porque não consegui entender muito. No entanto, entendi melhor um episódio de uma série italiana que possui uma linguagem formal (no youtube: Sissi, fiction Rai - parte 1).
Tentei ler literatura, mas desisti. Porém, consigo ler artigos mais científicos, como os da Wikipédia.


QUANTO TEMPO PARA TERMINAR O CURSO?

Isso depende do currículo que você escolher. Para o currículo standard, eu levei de 20 a 25 horas para terminar cada nível. Levei mais ou menos 130 horas para estudar todos os níveis (incluindo as revisões).


COMO PODEMOS USAR ESSE CONHECIMENTO?

O conhecimento adquirido com o software pode ser suficiente ou não dependendo do seu objetivo com a língua. Pode não ser suficiente se você quer ler literatura ou assistir a filmes, ter discussões mais complexas, defender suas ideias e usar a língua profissionalmente. Nem precisa dizer que ao terminar o curso você estará ainda bem longe de possuir habilidade de trabalhar como um tradutor ou professor da língua.  Seria até possível, mas difícil, usar a língua em reuniões de negócio ou dar uma palestra numa conferência, por exemplo.

Esse conhecimento pode ser suficiente se você vai ser um turista em um outro país, se você terá contatos informais com estrangeiros ou pessoas que falam a língua, ou se você só quer ler artigos científicos na sua área. Você também poderá assistir às notícias e documentários ou participar de uma conferência como um ouvinte.


CONCLUSÃO FINAL DO MEU EXPERIMENTO


PODEMOS FALAR UMA LÍNGUA FLUENTEMENTE COM ROSETTA STONE? – Não, mas podemos COMEÇAR a falar fluentemente. Seria possível assistir a notícias e documentários, ler artigos científicos, expressar a maioria dos seus pensamentos de forma simples e em termos gerais e usar a língua sem grandes problemas como um turista ou em interações sociais simples. Seria difícil assistir a filmes, ler literatura, dar uma palestra ou participar de uma discussão mais complexa.

O ROSETTA STONE FUCIONA? – Sim. Talvez não para todos, mas para alguns estudantes pode trazer bons resultados. Os desenvolvedores do Rosetta Stone afirmam que podemos obter um nível B1 ou B2 ao terminar o curso. Acredito que eles tenham sido honestos porque os resultados dos meus testes confirmam isso.

7 comentários:

  1. olá edy,tudo bem??? amigo,vi seu comentário dizendo q terminou o rs level 5. por sinal,até comentei sobre isso. mas só agora,hoje,caiu mina ficha sobre uma coisa. eu diria até que seja importante. já vi em muitos sites,poliglotas autodidatas....falarem coisas do tipo: 2.000 ou 2.500 palavras a pessoa fala um idioma sem nenhum problema,ou seja,fluente. muitas pessoas colocam cursos como assimil lá em cima,pq parece que ele deixa vc com 2.500 palavras de vocabulário. a grande maioria,metem o pau no pimsleur dizendo que só ensina 600 palavras e tal. então pensei: o edy concluiu o rosetta. com certeza,está com um vocabulário bem grande(bem maior que o pimsleur),pq já vi pessoas dizendo que o rosetta deixa vc com 2.500 palavras. mesmo que n seja 2.500 palavras,com certeza rosetta tem muito mais vocabulário q pimsleur. sendo que vc foi bem claro,vc não ta falando fluente. ou seja,ta falando muito pouco italiano,coisinhas simples segundo seus relatos. começo a achar que ter um vocabulário imenso não quer dizer nada. eu ainda n fiz pimsleur como vc sabe. mas de repente,alguém que terminou os 3 cursos de pimsleur fala e entende melhor do que uma pessoa que tem um vocabulário imenso adquirido de outros cursos inclusive rosetta. como vc é um cara experiente....me conte,o que vc achou dessa minha reflexão??? só agora parei pra pensar nisso. aguardo o seu comentário. abraço....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até pouco tempo, eu sempre tive a preocupação de saber isto: QUANTAS PALAVRAS ESSE CURSO VAI ME ENSINAR? Mas até que um dia eu li sobre a história de um linguista francês do século XIX chamado François Gouin. Ele foi para a Alemanha aprender alemão... mas antes de conversar com qualquer pessoa, se internou num quarto e decorou mais de 200 verbos irregulares, 30 mil palavras do dicionário, um livro de gramática e traduziu Goethe e Schiller. Quando saiu pra conversar com as pessoas, em vez de respostas, só obteve risadas – mesmo tendo decorado mais de 30 mil palavras, ele não conseguia falar ou entender praticamente nada. Machado de Assis é um exemplo oposto: uma das suas maiores obras, Dom Casmurro, não contém mais do que 2 mil palavras diferentes. Com essas 2 mil palavras, Machado de Assis conseguia dizer tudo. Ele conseguiu se tornar uma lenda da literatura utilizando um vocabulário básico.
      http://www.academia.org.br/abl_minisites/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=68&sid=21&UserActiveTemplate=machadodeassis
      Até acredito que a quantidade de vocábulos que você adquire em um curso de língua estrangeira tenha alguma relevância. Mas, considerando esses exemplos, acredito muito mais que a habilidade de usar bem uma língua vai muito além do número de palavras que você conhece.

      Excluir
  2. Parabéns pela iniciativa, Eddy! Tava com algumas dúvidas sobre esse curso e agora ficou mais claro. Como eu imaginava não é um curso que vá te deixar fluente, mas é como qualquer outro curso para auto-didatas, você vai aprender, mas não o suficiente pra se dizer fluente. Mas me parece um ótimo complemento pra quem tá querendo aprender uma língua de verdade.
    Não entendo nada de italiano, mas pelo vídeo você aprendeu bastante! Espero que consiga um resultado semelhante fazendo o curso de inglês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem, ao terminar o curso, como já destaquei aqui no blog, eu conseguia falar bastante italiano, não fluentemente, mas pelo menos conseguia expressar de maneira geral minhas ideais, mesmo cometendo vários erros. Mas fiquei satisfeito com o resultado. Pensa bem: eu levei em média 20-25 horas pra terminar cada nível (no curriculum standard), então é totalmente possível fazer um nível por mês e terminar todo o curso em cinco meses. Em média só precisa estudar menos de uma hora por dia! UMA HORINHA! E ao fim de cinco meses vai estar falando bastante coisa. Cinco meses é um tempo muito curto. Vale a pena.

      E sobre seu objetivo... a língua inglesa está ao nosso redor o tempo todo: quando ligamos a TV, o rádio, a internet... até quando saímos na rua... nos deparamos com o inglês mesmo não querendo... então aproveita todas as oportunidades pra praticar e realmente fazer essa "imersão"... durante o curso, principalmente quando chegar num nível mais alto, vá assistindo filmes, documentários, notícias, livros com leitura simplificada... existe muito material bom em inglês e de fácil acesso. Isso certamente vai fazer muita diferença no seu aprendizado.

      Excluir
  3. Cara, bem legal sua iniciativa. Eu tbm tinha dúvidas sobre esse software e agora com uma prova viva de que ele funciona eu vou seguir com o curso. Sempre imaginei que ele não iria te deixar fluente, fluente mas te daria uma base enorme pra seguir adiante, buscar livros ou sites relacionados com a língua de interesse.

    Acredito que italiano é mais difícil que inglês e como você mesmo disse, o inglês está em todo lugar e é mais fácil de praticar.
    Espero chegar ano que vem já com uma boa base para ler um livro ou quiçá uma hq :D

    Vlw Eddy

    ResponderExcluir
  4. Boa iniciativa.
    Estou com o Rosetta, acho que tudo na vida é persistência, quem busca com vontade consegue. Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Acabei de terminar o nível 3 de inglês do rosetta para minha surpresa comecei a estudar textos de um curso tradicional até o momento nos 10 primeiro textos o comprendimento em cada chega ser mais de 95%.

    ResponderExcluir